Existem vários tipos de Bioma, dentre eles:

Área ártica ou subárticaEditar

 
A área ártica, cientificamente falando, lá é frio pra caralho.

É a área que geralmente não é usada por alguém com mais de 100 anos, permanece fria nos solstícios e equinócios,podendo alcançar a temperatura de -5 Cº, se o portador deste bioma estiver entre os trópicos de Capricórnio e Sagitário. Claro que nem toda bioma é quadrada, também toma Antártica, assim como toda boa bioma subártica. Ela não desce redondo, porém, desce mais liso que banana em boca de desdentado e tipo sangue a foderse kuando mija.(período).


Área temperada friaEditar

Como toda avó tem fama de cozinhar bem, as biomas não são diferentes, porém, sua metodologia um tanto quanto esquimó, devido ao pouco calor absorvido por seus micro-vasos estourados -principalmente na Região das Pernas- impedem que os alimentos produzidos por elas sejam iguais aos das outras avós. É daí que vem os chamados temperos frios. Espécie de pó encontrado nas costas destes seres, muitas vezes usados pra temperar a comida de seus entes queridos. Embora a maioria das pessoas considere isso um tanto quanto ultrajante, as biomas têm este ato de retirar esse de suas costas como forma de demonstração de carinho ao seus entes queridos.

Área temperada quente ou subtropicalEditar

Geralmente,foram colocadas no forno até aquecer as recém-biomas, possuem áreas úmidas, que muitas vezes possuem cheiros desagradáveis e a produção de sulcos, parecidos com àqueles que aparecem na chamada gelatina de vários sabores,afinal, vocês achavam que aquilo era creme de leite? Eu não teria tanta certeza... Em extinção, estas biomas são em geral mexicanas ou baianas, tendo como característica marcante, o tempero quente, apimentado de sua comida. O prefixo sub- fica por conta do subdesenvolvimento nacional, no qual todos nós somos taxados de submundo, submundo é a vó! Vó não... biomas.

Área tropicalEditar

 
A floresta tropical.

Este tipo de bioma é o que mais preocupa os esteticistas do mundo inteiro, é a bioma que apresenta áreas secas e nem um pouco hidratadas. Estas áreas podem ser identificadas pela aparência de ameixas-secas, maracujás-de-gaveta, pães amanhecidos por três meses, dejetos humanos ressecados, herpes congênita na genitária. As biomas geralmente utilizam destes "defeitos" para aumentarem a farinha por exemplo, logo que a base de certas áreas começa a se desprender, tranformando o bioma novamente com climas de Pajeia.

Biomas aquáticosEditar

Existem também as biomas que possuem produção excessiva de saliva, resultante do processo de deglutição por antecipação, no qual inundações inteiras começam meia-hora antes do "acasalamento" de biomas. Cena esta que pode cegar (e já cegou) muitos cientistas, o acasalamento nunca pôde ser filmado ou sequer fotografado, pois a salivação acaba provocando sérias inundações. A única informação que nos consta é que há muitos casos do tipo, principalmente em São Paulo e Rio de Janeiro, estados que ficam debaixo d'baba várias vezes ao ano. É, portanto, fundamental de que se previna contra a leptospirose, doença também proveniente das biomas, que pode matar com facilidade, por isso, acredite, inundou? Não é água.

Ver tambémEditar